Los Andes Sagrados

Los Andes Sagrados

miércoles, 21 de marzo de 2012

Chegamos ao dia 21, tudo termina?


Não, recém começa. O silêncio chegou intensamente aqui... com sua bênção. Somente há assombro devoto entre tanto esplendor! Sou uma flama de gratidão que abre e derruba as portas do medo, e, assim, sai a brincar e pintar a vida, o sopro de paz, paz desta serena jornada, sabendo-nos portadores da bandeira, que é flama e asas... Em voos de condores estou vibrando agora... e os aromas de algarrobos e chañares acariciam meu sentir, liberto das armadilhas da mente e dos instintos... Ah, amada liberdade, envolve em teu silêncio fecundo e agreste todos os irmãos da fraternidade violeta dos 21 dias... e sigamos jardinando, como pioneiros criadores da Nação Pachamama, onde há espaço para todas as tribos, nações, rios e morros... Aqui nesta Nação, onde Cristo não é uma palavra oca, senão um vento amoroso que anima os corações a AMAR e SERVIR, mais, mais, mais!!!

No hay comentarios:

Publicar un comentario